[Entrevista] Logística 4.0 : Otimização de abastecimentos de fábrica com a GEFCO

21 setembro 2017

Craig Allen, Gerente Regional WHS GEFCO Reino Unido responde a seis perguntas sobre a supply chain e a indústria automotiva.

Os fatores chaves de sucesso para o novo modelo da supply chain são sem dúvida: Colaboração e Transparência.

Craig Allen

Gerente Regional WHS GEFCO Reino Unido

1. Quais são as principais tendências que impactam na supply chain da indústria automotiva ?

A supply chain automotiva está em profunda transformação. Todos os desafios que afetam essa indústria também impactam na supply chain, incluindo a digitalização, a experiência do cliente, a mobilidade, automóveis autônomos,  elétricos, a mudança do mercado varejista etc... Hoje em dia um dos principais desafios é atender a uma maior demanda de personalização dos veículos em função das escolhas do consumidor. É também um desafio industrializar este processo.

2. O que é o método KSK ?

As montadoras oferecem ao consumidor um vasto leque de opções, o que resulta, por exemplo, em inúmeras configurações de chicotes elétricos. O processo produtivo para atender milhares de configurações pode ser impraticável. Para responder a essa tendência, as montadoras utilizam o conceito de módulos que podem atender a uma ou algumas opções dos consumidores. A combinação desses módulos durante a montagem do veículo atende exatamente a configuração desejada. Esta abordagem é frequentemente chamada de KSR.

3. Por que a GEFCO abraça esse novo método ?

No final de 2014, a GEFCO Britânica foi selecionada para implementar uma nova solução logística para atender a planta da JLR em Halewood, Liverpool, Reino Unido.

KSK (Customer Specific Harnesses) era uma novidade para a JLR. Em termos de supply chain, exigia uma nova abordagem: abastecimento síncrono, no qual a GEFCO tem grande experiência.

A gestão dos fluxos de abastecimento síncrono exige desenvolvimento de novas soluções de TI, assim como novos métodos de operações logísticas. Com grande experiência neste tipo de abastecimento e consciente de seu papel estratégico, a GEFCO atendeu com sucesso as novas exigências do consumidor e de seu cliente, a JLR.

4. Quais são as principais inovações que a GEFCO implementou em Halewood para atender essa nova abordagem logística ?

Antes de abordar as características, é importante mencionar a localização do site que é um ponto essencial dentro da logística dos fluxos síncronos. Trata-se de um site de 12.000 m² idealmente localizado próximo das montadoras ao sul de Liverpool no noroeste da Inglaterra. Em Halewood, fornecemos soluções de abastecimento inovadoras, otimizamos a supply chain de nossos clientes automotivos e desta forma, contribuímos para a competitividade deles.

As principais características do novo site GEFCO são :

  • Sincronização de fluxos de abastecimento multi-fornecedores
  • Um "buffer" de 3 a 5 dias de estoque
  • Visibilidade em tempo real para garantir as chamadas TLS (Target Line Sequence)
  • Reabastecimento para atender ao EDM (Eight Day Message)
  • Sequenciamento RFT (Right First Time) - ferramenta Poka-Yoke
  • Garantia de qualidade para fornecedores "Tier 1"
  • Apoio para recuperação de erros
  • Fluxos inbound para planta de hora em hora
  • Comunicação direta com vários níveis da planta

5. Quais são os principais benefícios entregues pelo programa de sequencimaneto síncrono ?

Graças ao programa de sequenciamento síncrono, nossos clientes e fornecedores são beneficiados por várias vantagens :

  • Simplificação das soluções de sequenciamento em um único site
  • Apoio às demandas da planta e dos "Tier '"
  • Terceirização da atividade de sequenciamento da planta – maior espaço livre na planta
  • Redução de embalagens e resíduos na planta
  • Incremento de flexibilidade e eficiência das operações de todos os componentes
  • Redução do desequilíbrio: todo o fornecimento sequenciado é alinhado
  • Economias em escala trazendo tudo para um mesmo local
  • Simplificação e redução dos pontos de reabastecimento
  • Flexibilização de programação

6. Quais são os fatores chaves de sucesso nesse novo modelo de supply chain ?

Sem dúvida, diria: uma Supply Chain Colaborativa e Transparente. É a melhor maneira de atingir um custo competitivo e alta performance.

Compartilhar